Quer Aprender a Importar e Revender Produtos para Ganhar Dinheiro?

Quantas vezes você já tentou novas formas de ganhar um dinheiro extra?

Várias vezes? Já passou pela experiência de tentar várias maneiras, como empresas de MMN (marketing multinível), revenda de perfumes ou outras ideias, mas sem muito sucesso. Pelo menos não como você desejava

Para você que já tentou o MMN e não teve sucesso, se eu te disser que o principal problema é que você não tinha o controle sobre esses negócios. Para monetizar em alguns desses métodos você tinha que depender de outras pessoas, não da sua capacidade, do seu esforço.

Como que eu sei disso? Eu já passei por isso. Perdi um bom dinheiro nesses “negócios”e me dei mal… então eu sei a sensação de estar nessa situação. Perdi um pouco as esperanças, achei que isso não era para mim. Mas ainda assim continuei procurando meios reais de ganhar uma renda extra para complementar o salário.

Foi aí que encontrei o método Projeto Importador Profissional. Vi que tinha como vender pela internet de casa, só dependeria do meu esforço.

Então…

Se você ainda está procurando uma forma honesta, mas está em dúvida de como começar, esse guia que montei sobre importação é para te ajudar a escolher qual o melhor caminho para você começar.

Então se você já pensou em montar um negócio online, importando produtos para revender e trabalhando de casa esse guia vai te ajudar a entender como começar.

Mas antes disso, é bom você entender antes…

Para quem é o Projeto Importador Profissional

curso-erick-oliveira

Esse aqui não é um método milagroso em que você vai ganhar dinheiro da noite para o dia.

O processo de importação requer investimento de dinheiro e de tempo. O dinheiro é para comprar os produtos e o tempo é para poder esperar os produtos chegar e o tempo para vendê-los, seja na sua cidade ou pela internet. Então é preciso paciência.

A ideia aqui é a de montar um negócio, mesmo que seja para arrumar uma renda complementar, mas é preciso organização.

Se você não tem paciência, é melhor procurar outra forma que se encaixe melhor no seu perfil, como trabalhar como afiliado, anunciando produtos em redes sociais, por exemplo.

E se você está sem dinheiro para investir, recomendo bastante organizar suas contas primeiro, arrumar um emprego ou outro serviço para arrumar uma renda extra.

Se você tem o que precisa, então continue lendo para saber como o curso Importador Profissional (página oficial) funciona e como você pode ter sucesso com ele.

Aprenda Com Quem Sabe Ganhar Dinheiro com Importação de Verdade!

Por Que Importar?

importar-vale-a-pena

Existem três principais motivos que fazem com que a gente resolva importar:

  1. A variedade incrivelmente maior de produtos que a gente pode encontrar, seja importando dos EUA ou da China;
  2. O preço, mesmo sendo taxado, é muito melhor do que os cobrados aqui no Brasil;
  3. A qualidade dos produtos oferecidos também é maior, ainda hoje.

A cultura de importar produtos tem se tornado cada vez mais forte, principalmente hoje, com toda essa facilidade de comprar de qualquer lugar do mundo. É só passar o cartão de crédito e esperar chegar. Claro que existem alguns problemas quando a gente não sabe avaliar os vendedores, mas na maioria das vezes, tudo chega certinho.

Basicamente é por isso que vale a pena importar, falando do lado do consumidor. Para alguém que quer montar um negócio com importação, esses fatores também estão envolvido, mas o que importa, hoje em dia, é o preço baixo dos produtos e a possibilidade de enviar direto para o comprador, sem ter que se preocupar com a entrega, pelo método do dropshipping.

Quem pode ser importadoro-que-precisa-para-importar

Para a Aduana da Receita Federal brasileira, a importação é toda a entrada, temporária ou definitiva, de serviços ou produtos originários de outros países, a título oneroso ou gratuito.

A lei aduaneira estabelece que tanto pessoa física quanto pessoa jurídica podem fazer importação, sem nenhum problema. A lei aduaneira diz que importador é qualquer pessoa que promova a entrada de produto estrangeiro em território nacional.

Importação é um bom negócio?

Essa é uma dúvida crucial, principalmente para quem está pensando em começar, mas não tem certeza se vale a pena de verdade.

Claro que é um bom negócio, mas não é algo da noite para o dia ou que dê resultados milagrosos enquanto você dorme. Mas contando que você quer mesmo trabalhar com isso, posso te dizer que os ganhos podem variar de 5 a 30 mil reais!

Esses ganhos vão depender dos produtos que você vai trabalhar e também dos seus canais de venda. A margem de lucro com a importação pode ser e até 300%, dependendo do produto. Os maiores retornos estão nos relógios e nas semi-jóias, por exemplo.

Se você já fez algumas pesquisas sobre como importar e se vale a pena, já deve ter encontrado textos falando sobre a importação da china, talvez até alguma coisa do Projeto Importador Profissional, mas talvez você não saiba por que tanta gente fala disso.

Agora você vai saber o porquê…

Por Que Importar da China?

o-que-importar-da-china

Com a globalização dos dias atuais, praticamente quase todos os produtos são feitos na China. Sejam os produtos de marcas famosas, suas réplicas ou outros produtos não tão famosos por aqui.

Com toda essa gama de produtos, os preços que eles conseguem fazer na venda é muito menor que por aqui, fazendo com que você possa importar relógios, maquiagens, roupas com até 97% de desconto.

Importar da china permite também a implantação do método dropshipping (como o Importador Profissional ensina), como comentei antes. Alguns dos treinamentos mais famosos mostram que os produtos que possuem mais busca e saída são além dos relógios e semi-jóias, como falei antes, também os sapatos femininos.

Como importar produtos da China?

Há alguns anos era extremamente difícil importar de qualquer lugar, mas hoje está muito mais simples, principalmente com grandes sites que permitem uma busca e um processo simples de compra.

Os sites de compras da China mais famosos e eficientes são o DealExtreme e o Aliexpress em que você pode importar de praticamente tudo. Desde roupas, bolsas de marca (como da Kipling) até eletrônicos para hobbistas.

Para importar desses sites não tem nada diferente de fazer uma compra no Brasil, inclusive eles já tem até o idioma português para facilitar nossa vida. Os cuidados que se deve ter nas compras é o mesmo de se comprar no MercadoLivre, por exemplo. Verifica a descrição do produto, a reputação do vendedor e os comentários dos outros compradores. Seguindo esses três passos a chance de você ter um problema na compra é muito pequeno.

Aqui tem um e-book com dicas para importar da china, confere aí.

Outro ponto que eu gosto de sempre falar para quem me pergunta é o de escolher vendedores que forneçam os códigos de rastreio do produto. Por quê que eu recomendo isso? Por que assim você pode saber se ele foi taxado e se está nos correios para ir buscar e pagar a taxa, evitando dores de cabeça de isso acontecer e você acabar perdendo sua encomenda.

Outro grande país excelente para importação é os Estados Unidos, mas diferente da China, não são todos os produto que valem a pena importar diretamente de lá.

O que importar dos EUA?

importar-roupa-euaMas então o que que vale a pena mesmo importar de lá? O mais comum que as pessoas buscam lá são as roupas de marca, que podem ser até 3x mais baratas do que aqui, mesmo pagando a taxa de envio e de importação. Sim, isso mesmo!

Importar roupas não são as únicas coisas que valem a pena, alguns eletrônicos, mesmo celulares da Apple, valem a pena mesmo pagando o imposto de importação, podendo economizar aí até mil reais em um iPhone 6S, por exemplo.

A Amazon é excelente para encontrar diversos produtos que você pode importar, seja para você ou para revender, em que os preços são excelentes

O problema de importar dos Estados Unidos é que a maioria das empresas, como a Amazon, não manda direto para o Brasil. Isso daí acaba fazendo com que muita gente deixe de importar produtos de grande qualidade por esse motivo. Mas algumas empresas percebendo esse problema criaram a solução de ser o seu endereço nos Estados Unidos.

Importação com Shipito e com a MyVipBox

As duas empresas mais conhecidas são a Shipito e a MyVipBox. As duas possuem o mesmo modo de trabalho. A gente paga uma taxa para poder receber as encomendas no endereço da empresa, lá eles podem organizar várias encomendas em uma única caixa, diminuindo bastante o custo com a postagem.

Elas não prometem que você não vá ser taxado na hora do recebimento, apenas permitem que você possa receber os produtos dos EUA economizando na taxa de envio. Lembrando que mesmo pagando taxas, a de importação e da empresa, ainda sai muito mais barato do que comprar por aqui.

Se vocês optarem por esse serviço, recomendo o MyVipBox, que é do Carlinhos Troll, do canal Realidade Americana no Youtube. 

Te mostrei alguns motivos, de forma bem simples, do por que vale a pena importar. Mas agora você deve querer saber o que importar, certo?

Então vamos lá…

O que importar para vender no Brasil e ganhar dinheiro?

As opções são muitas, independente de onde você resolva importar, o que vai mudar vai ser o tempo que vai levar para chegar e sim, o preço também.

Antes de mostrar algumas opções de produtos para importar, quero te dizer uma coisa:

Não importe apenas por importar. Se você não gosta ou não tem contato com aquele produtos, não comece assim. Digo isso por que já vi muita gente começar com essa ideia e quando começar a se cansar de ter que estar importando semi-joias sem entender nada do assunto, nada de moda, e ficam de saco cheio de tentar vender e não encontrar o público certo.

Comece procurando algo que você tenha interesse, primeiro. Por exemplo:

Tenho um amigo do tempo da faculdade que era viciado em eletrônicos para gamers, como teclados, mouses, mousepads e outros itens. Então quando apresentei para ele como ele podia encontrar esses itens, originais, bem mais baratos que aqui no Brasil, ele começou a importar para ele primeiro, depois para uns primos e então montou um pequeno negócio com isso. De casa mesmo, só para sustentar os gastos dele com os próprios gadgets.

Conheci uma colega que é viciada em bolsas da Kipling. Sempre que pode ir aos EUA comprar, voltava com 2 ou 3 bolsas. Tanto lá,quanto aqui, são bolsas caras, bem caras! Mas as mulheres adoram, principalmente as mais jovens. Mas aí ela acabou achando alguns fornecedores na China que vendiam os modelos originais (sim, originais!) por lá por 1/4 do preço que ela encontrava. Agora ela importa direto essas bolsas e vende para colegas e amigas.

Está entendendo onde quero chegar? Não importe sem conhecer os produtos ou o seu público, você pode acabar criando um problema, ao invés de uma solução.

Então agora vamos aos produtos mais comuns e rentáveis para importar.

Perfumesimportar-perfumes

Muita gente adora um perfume francês com cheiro marcante, mas ninguém está a fim de pagar o que as empresas aqui pagam. Então você pode passar a importar perfumes que saem muito, como os 212, Carolina Herrera ou outros bem conhecidos. O lucro com perfumes pode chegar até 200%. Conhecendo os fornecedores adequados, você não terá problema com a chegada dos produtos.

onde-importar-roupasRoupas

As roupas são os itens mais comuns que quem começa a trabalhar com importação escolhe. Possuem preço baixo, são fáceis de transportar e sempre tem muita procura. Principalmente por modelos originais. Aqui você escolher trabalhar com roupas originais, réplicas ou de marcas desconhecidas. Mas sempre deixe bem claro para o comprador. As roupas podem tanto ser importadas do Peru, do EUA e da China. A quantidade de fornecedores é enorme.

Eletrônicos

Os eletrônicos são um dos mais procurados, desde tablets e celulares mais simples, para a criançada. Como também os wearables, que estão cada vez na moda. Esses são os smartwatchs, que medem distância caminhada, batimentos cardíacos e coisas do tipo. Também tem o pessoal que compra material para hobbies, como peças para aero e automodelismo, principiantes em eletrônica e outros.

Claro que esses não são os únicos, já falei bastante dos sapatos femininos, semi-jóias e relógios, como o Erick Oliveira, do Projeto Importador Profissional, comenta no site dele.

Um exemplo de ganho com esse método é o seguinte:

Esse relógio Diesel está sendo vendido por R$699,99, no MercadoLivre.

O vendedor comprou ele por R$ 290,62 com um fornecedor da China.  Tendo aí um lucro de $409,27, por venda! Claro que isso é desconsiderando outras taxas, como a do próprio ML e também de envio, por exemplo. 

Considerando aí, que ele tenha um lucro final de 30% (sendo bem pessimista, viu?)  depois de pagar todas as taxas. O lucro por unidade vai ser de R$ 122,71! Parece pouco, mas isso é por unidade. Com 3 relógios vendidos você recupera o seu investimento no curso. E aqui a gente só falou de um produto

Quero que você entenda que muita gente já saiu do modo do trabalho convencional e tem ganhado a vida sendo o próprio chefe. Ganhando bastante dinheiro para manter o estilo de vida que sempre sonharam. Trabalham muito, de fato, mas agora podem arcar com o que desejam.

Como Funciona o Dropshipping – Importação com entrega em outro lugar

dropshipping é voltado para e-commerces e empreendedores individuais de marketplaces. Funciona basicamente da seguinte maneira:

O comprador acessa seu comércio eletrônico, que pode ser em um site, no Facebook ou no Instagram, faz o pedido e você vai encaminhar para um fornecedor, no caso, o dropshipper. Ele é quem faz enviar o produto para o seu cliente em nome da sua empresa. Assim você não tem que manipular produtos, ou manter estoque, por exemplo.

Usar o dropshipping permite uma série de vantagens. Você vai ter um custo reduzido, já que não vai ter que operar estoque e nem ter muitos funcionários para isso. Os custos fixos também vão ser reduzidos, você pode trabalhar de casa e não precisa alugar um local para guardar os produtos. Por você não ser o fornecedor, apenas o intermediário, você tem uma flexibilidade que te permite trabalhar de qualquer lugar que tenha uma conexão com internet.

Outras vantagens são a variedade de produtos, você pode ter um grande marketplace com diversos produtos, ou vários sites de nicho vendendo produtos diferentes. O trabalho vai ser de administrar todos e também dar suporte aos compradores.

O dropshipping ainda é um bom negócio?

Muita gente tem usado esse método para abrir suas lojas online, com isso muita gente fica preocupada se ainda tem espaço para esse negócio. Sim, o dropshipping ainda vale a pena. Mesmo com uma competição maior, é possível se destacar, principalmente utilizando as técnicas de marketing digital (algumas o Erick ensina no Projeto Importador Profissional) corretas. Isso se você estiver pensando em trabalhar com e-commerce. Se for somente para sua região, ainda é mais fácil.

Claro que existem desvantagens, como em qualquer negócio. Por você não ter o estoque, você não tem o controle dos produtos. Então pode ser que um produto oferecido em sua loja, já não tenha mais em estoque. Outro é o tempo de entrega, dependendo do fornecedor, o que pode incomodar um pouco os compradores. E também em relação as margens, que não são tão altas quanto se você tivesse o produto.

Mas, ainda sim, é um bom negócio.

Dropshipping é confiável?

Isso vai depender. Principalmente do quanto você vai se dedicar pra encontrar bons fornecedores, e também para dar suporte aos seus compradores. O maior problema sempre vai ser a entrega, então você deve procurar um fornecedor confiável e também ser bem claro sobre os prazos.

Depois de todas essas explicações, vamos ao que interessa…

O Curso Projeto Importador Profissional, funciona?

Essa é uma pergunta que todo mundo se faz, quando encontra uma nova oportunidade de ganhar dinheiro. A gente sempre fica com o pé atrás nessas horas.

Te entendo completamente. Se você já acessou a página oficial para comprar o Importador Profissional, já deve ter visto alguns depoimentos de alunos que estão faturando com o método. Mesmo assim se você ainda não tem certeza, separei aqui algumas vantagens e desvantagens do curso para você analisar.

E sim, já vou adiantando, o curso do Erick funciona de verdade. Confira aí a lista.

importador-profissional-reclame-aquiVantagens

  • Ensino passo-a-passo do método, não somente dizer de onde comprar, mas também como estruturar a máquina de vendas;
  • Lista dos fornecedores confiáveis e dos produtos mais vendidos;
  • Acesso ao fórum e ao grupo exclusivos para tirar dúvidas, conhecer novos fornecedores e produtos que estão quentes no mercado;
  • Material todo online que você pode acessar de qualquer lugar;
  • Garantia incondicional de 30 dias: não gostou, não foi o que você esperava? É só mandar um email para o suporte e você terá seu dinheiro de volta.

Desvantagens

  • Investimento inicial intermediário: você além do valor para comprar o Projeto Importador Profissional, ainda vai ter que ter uma reserva para investir nas mercadorias, estrutura do site e compra de tráfego (se for para o e-commerce);
  • Curva de aprendizagem lenta:  por mais que o Erick ensine tudo passo-a-passo nas mais de 40 horas de curso, você vai precisar de, pelo menos, uns 2-3 meses para começar a ver os resultados. Como já falei: não é fórmula mágica. É um negócio.

Agora é sua vez…

Se você chegou até aqui, então está na hora de tomar uma decisão. Você pode fechar essa página e continuar procurado algum método que realmente te agrade para ganhar uma renda extra com importação, ou…

Pode acessar o site oficial para comprar o Importador Profissional e seguir o método do Erick para começar a mudar de vida.

Se você ainda tem dúvidas…

Acesse esse treinamento gratuito do Erick para tirar suas dúvidas e confirmar se a importação é o negócio certo para você.

 

Como Comprar o Curso do Importador Profissional?

Quando você acessar a página oficial do Importador Profissional do Erick Oliveira, você vai poder apertar no botão de Comprar. Daí você vai para a página de pagamento, em que você vai poder escolher o método de pagamento (cartão ou boleto) e finalizar a compra.

Depois de confirmado o pagamento, se for cartão você tem acesso na hora ao curso, recebendo por e-mail os dados de acesso. Se for por boleto você vai ter que esperar até 3 dias, já que tem que esperar o banco compensar.

 

 

Garantia do Projeto Importador Profissional

Não gostou?

Você tem 30 dias para desistir da compra! Sim, sem nenhuma justificativa. Mandou um e-mail e aí é só esperar compensar.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *